28/11/07

Rever os Indies perdidos



Se você é como eu, um(a) desleixado(a) incorrigível e deixou passar, seja por qualquer razão, os melhores títulos do IndieLisboa desse ano, sua chance de se redimir chegou. Entre os dias 3 a 7 de Dezembro, sempre às 18h, na Reitoria da Universidade de Lisboa, haverá uma selecção com alguns dos melhores filmes apresentados na última edição do festival. Eu, que me auto-flagelei por ter perdido «Analog Days» soltei um berro de felicidade. Ah, a entrada é di grátis!!

Programa

3 Dez. – Segunda-feira, 18h I am a sex addict , de Caveh Zahedi
4 Dez. – Terça-feira, 18h Balaou , de Gonçalo Tocha
5 Dez. – Quarta-feira, 18h Analog Days , de Mike Ott
6 Dez. – Quinta-feira, 18h Patterns 3 , de Jamie Travis A Ilha da boa vida , de Mercês Gomes Zepp , de Moritz Laube
7 Dez. – Sexta-feira, 18h Life in Loops: a Megacities Remix , de Timo Novotny

3 comentários:

gonn1000 disse...

Boa, não sabia disso. E "Analog Days" é mesmo um belo filme, vale muito a pena.

Wellington Almeida disse...

Pois, eu ouvi dizer que é mesmo giro...Este foi um dos que eu perdi nesta última edição. Um abraço.

Jaime disse...

respondo por aqui pra poupar tempo e dinheiro( sim, ainda estou aqui fuçando seus gostos) nao sei se soubesse mas o zé... nao abrimos... beijos